Jornal Impresso

Novo chefe PF vai mudar área de combate à corrupção

(Foto: Lucas Lacaz Ruiz/ Folhapress)

O novo diretor da Polícia Federal, delegado Paulo Maiurino, sinalizou nesta quarta-feira (7) as primeiras mudanças que pretende fazer na cúpula da corporação. No horizonte estão alterações em superintendências estaduais e na área de combate à corrupção, uma das mais sensíveis da PF e que é responsável pelos inquéritos contra políticos em tramitação no STF.

Exemplos de apurações sob os cuidados da área de combate à corrupção são os inquéritos das fake news e dos atos antidemocráticos, casos que miram familiares e aliados do presidente Jair Bolsonaro.

Aguarda nomeação
Anunciado nesta terça-feira (6) pelo novo ministro da Justiça, Anderson Torres, após o aval de Bolsonaro, Maiurino aguarda a publicação da nomeação no Diário Oficial da União para divulgar as novidades.

Deixe uma resposta

Compartilhe

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS