Covid-19

Covid-19: Novo decreto de isolamento social assinado por Camilo proíbe realização do carnaval

Governador endurece regras para o carnaval e mantém restrições existentes desde dezembro

Aflaudísio Dantas
aflaudisio@ootimista.com.br

Camilo Santana e Dr.Cabeto (Foto: Governo do Estado)

O governador Camilo Santana (PT) anunciou nesta sexta-feira (8) que as proibições de festas e eventos em espaços abertos e fechados em todo o Ceará. As proibições já em vigor persistem até o dia 31 de janeiro. O governador acrescentou outras, como a proibição de festas de carnaval em todo o Estado que ficarão em vigor no mês de fevereiro

As medidas foram impostas pela primeira vez no chamado decreto de final, que além das proibições ainda limitou o número de pessoas que podiam frequentar festas familiares no natal e réveillon.

Fica proibido realizar festas, shows e eventos sociais. As medidas passam a constar num decreto único. Antes o governador editava dois decretos, um específico para as festividades no mês de dezembro.

O carnaval está proibido, sendo ele realizado pelo poder público ou de forma privada. Pontos facultativos nos dias 15 e 16 de fevereiro; e nas segunda e terça-feira de carnaval, também estão proibidos. Ou seja, esses serão dias úteis normais, e não mais feriados ou imprensados como de costume.

Apoio financeiro

Camilo diz ainda que a partir da próxima segunda-feira (11) haverá reuniões para definir um plano de apoio ao setor de eventos, com ênfase nos pequenos negócios. Ele não deu maiores detalhes sobre como funcionará esse mecanismo de ajuda, mas garantiu que o plano será elaborado em parceria com a Prefeitura de Fortaleza.

As proibições do governo, segundo Camilo, foram definidas em reunião do Comitê de Saúde que assessora o governo nas questões relacionadas à pandemia de covid-19.

Conteúdo atualizado às 19h26min

Deixe uma resposta

Compartilhe

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS