Panorama

Arcebispo de Fortaleza visita papa Francisco e o presenteia com imagem de São José entalhada por artista cearense

Obra foi esculpida em madeira de cedro por artesão de Caridade

Divulgação/Arquidiocese de Fortaleza

Na visita dos bispos do Ceará ao Papa Francisco, em Roma, um momento especial: o Pontífice recebeu uma imagem de São José esculpida especialmente para o momento. A peça em madeira de cedro é de autoria do artesão cearense Glailton da Silva de Sousa, de Caridade, município distante 97 quilômetros de Fortaleza.

“Gostaria de levar ao Santo Padre uma lembrança, imagem de São José, padroeiro do Ceará. Conhecendo seu trabalho, pensei em pedir um trabalho. Será muito significativo que um jovem pai de família possa ser o autor”, disse Dom José Antonio, arcebispo de Fortaleza, ao artesão.

A escultura de 38 cm foi entregue ao papa na visita ad Limina Apostolorum. “Fiquei muito feliz pela consideração que o arcebispo teve com o meu trabalho”, agradeceu o autor da obra, contando que trabalho de esculpir na madeira começou por curiosidade, tomando por inspiração as experiências de pobreza e fome.

“Um dia eu vi um senhor fazendo uma colher de pau e eu falei para mim mesmo que saberia fazer. E como eu já sabia desenhar e pintar, ficou muito mais fácil começar a entalhar. Minha primeira peça foi um jumentinho de madeira”, recorda Glailton que fez desta arte o sustento para a família.

Glailton já perdeu a conta de quantas obras fez, mas lembra da maior delas. “Foi uma de Santa Dulce dos Pobres, com olhos de vidro em cedro policromado e envelhecido. Com a base, a imagem mede 1,80m”, detalha o artesão.

Uma escultura como esta presenteada ao Papa leva em média 25 dias para ser feita, sem a pintura. Além da experiência autodidata, ele já foi a Ouro Preto, em Minas Gerais, para estudar policromia.

Divulgação/Arquidiocese de Fortaleza

Deixe uma resposta

Compartilhe

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS