Opinião

Com melhores resultados do País e redução de facções, Ceará gera sensação de segurança – Roberto Moreira

Governador Camilo com a cúpula da Segurança Pública: inteligência no combate ao crime (Foto: Ascom/ GE)

O secretário de Segurança Pública do Ceará, Sandro Caron,  é um delegado federal altamente treinado para ação de combate ao crime e gestão de policiamento ostensivo e comunitário. Usando o serviço de inteligência, identificou e prendeu os mais perigosos bandidos que estavam em liberdade. Caron fez aproximação com o Ministério Público e o Poder Judiciário para ajudar nas informações que podem manter na cadeia os bandidos mais perigosos que possuem recursos para contratar bancas de advocacia com advogados influentes. É uma rotina de prende e solta que aos poucos vai se tornando favorável ao lado mais justo, o da segurança pública.

Não é fácil manter a ordem pública com policiais torcendo pelo lado do crime. Tem sido comum no Ceará a utilização da pauta policial para construção de lideranças políticas. Tal ala se torna, também, ativistas do crime. O sangue que banha a briga de facções alimenta essa turma do quanto pior melhor. Seria mais eficaz vereadores, deputados e agentes aplicar bons resultados da segurança pública para animar a sociedade, construir caminhos para justiça social e apresentar ou apoiar projetos para reverter as dificuldades encontradas em comunidades vulneráveis.

O ex-ministro Ciro Gomes, um experiente homem público e profundo conhecedor e estudioso sobre esse tecido delicado que é a segurança pública voltada às populações mais carentes, tem dito que criminosos de farda “tem transformado parte da polícia em partido político”. Ciro tem razão, ao fazer política partidária, os policiais se tornam automaticamente militantes ou milicianos.

O estado do Ceará está passando por uma profunda mudança na atitude de gerenciar a área da segurança, se tornando mundialmente uma das mais bem equipadas e treinadas. Agora mesmo está sendo construído o Centro Integrado de Segurança Pública, o primeiro do Brasil que terá um centro de inteligência para criar uma rede de proteção para a sociedade. Hoje no Ceará, o sistema já funciona, mas, agora teremos na mesma sala de pensamento homens da PM, bombeiros, Polícia Civil, Peritos e represetantes do Ministério Público atuando em conjunto. O mapeamento de áreas vulneráveis e de atuação de facções e criminosos irão ficar mais restritas.

A sensação de segurança que a população respira no momento já é resultado dessa política pública. A sociedade precisa saber que existe o crime organizado, que é responsável por mortes em sequência e a vida da cidade onde as ocorrências são muito poucas. O crime organizado atua distante e a margem da vida econômica e do trabalhador comum. A sua raiz está dentro da favela, operada por criminosos que são discípulos de líderes de facções que estão na prisão. Em breve, toda essa cadeia criminosa não terá campo para atuação.

Retrocesso

O Congresso Nacional anda para trás. Aprovou a volta da coligações proporcionais. O processo mais corrupto do processo eleitoral irá trazer de volta as legendas de aluguel e os vigaristas que vendem legendas. “Para evitar o distritão, trouxe-nos de volta as coligações”, disse o deputado Mollon, PSB, mostrando o quanto foi difícil a briga com o lobby dos fabricantes de partidos.

Bolsonaro no Cariri

O presidente Bolsonaro desembarca nesta sexta-feira em Juazeiro do Norte. Vai entregar residenciais no Cariri. São unidades habitacionais em Juazeiro e no Crato. Estão montando um palanque para lançamento de candidaturas. Bolsonaro dará prioridade ao novo Bolsa Família, batizado de “Auxílio Brasil”.

PT não lançará candidato ao governo do Ceará

O ex-presidente Lula decidiu deixar o governador Camilo Santana fora do seu projeto político e, no Ceará, o PT não lançará candidato ao governo. O PT fará campanha para Lula e Ciro terá seu palanque, mas os partidos estarão unidos. O objetivo é derrotar o bolsonarismo. Camilo será o candidato ao senado. Esse é o cenário de hoje.

Domingos Filho pressionado

O presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, insiste na tese da candidatura de Domingos Filho ao governo do Ceará. Kassab apoia o governo Bolsonaro e no Ceará está fechado com o PDT. Domingos Filho não revela a estratégia. No sertão, radialistas falam abertamente sobre a possibilidade da candidatura de Domingos ao governo.

Teodoro Silva Santos, o corajoso homem público

Magistrado: profundo conhecimento jurídico (Foto: Ascom/ TJ-CE)

Há exatos 20 anos, uma quadrilha promoveu a chacina de seis  portugueses na barraca “Vela Latina” na Praia do Futuro. O caso teve repercussão mundial. Os criminosos até hoje estão na prisão, graças ao trabalho e grande apuração feita pelo promotor Teodoro Silva Santos, atualmente desembargador do Tribunal de Justiça do Ceará.
Teodoro em breve será presidente do Tribunal de Justiça do Ceará. Merecia uma vaga no STJ ou STF pelo profundo conhecimento que adquiriu na carreira de juiz.

Deixe uma resposta

Compartilhe

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS