Opinião

A sucessão no Ceará pode ter o PT isolado fora da disputa majoritária ou com candidatos sem expressão se a turma do palanque “fiel” não refletir – Roberto Moreira

Lula e Camilo em foto de arquivo: ex-presidente deve ficar longe da sucessão cearense (Foto: Ricardo Stuckert/ IL)

Uma ala do PT no Ceará colocou na cabeça que pode indicar um “poste” para disputar o governo do estado em 2022, e o poste será vitorioso porque o ex-presidente Lula lidera a pesquisa de intenção do votos para a presidência da república. É uma tática suicida. Hoje, o PT tem mais representação que na era Lula. O partido precisa avaliar cenários para não cair em erro que pode implodir a sigla em território cearense. Atualmente, o PT nem mesmo um bom poste tem para colocar na disputa.

Na eleição municipal de 2020, o comando nacional do PT decidiu que o partido deveria lançar candidatos nas principais cidades do país. Foi um fracasso. Lula, mesmo livre, não influenciou. O partido perdeu mais da metade de municípios que tinha há muitos anos. A manobra foi um fracasso na eleição municipal, onde o PT impôs candidato saiu derrotado, humilhado das urnas. A esquerda até agora não engoliu a estratégia que quase arruinou a sigla em todo o país.

Nos últimos 20 anos o PT no Ceará é aliado do PDT e a aliança tem garantido ao partido importância na vida pública cearense. O partido teve o Senado com José Pimentel, e tem o Camilo Santana no comando do governo do Ceará, encerrando dois mandatos, além de uma boa quantidade de deputados federais.

Será que o PT que quer lançar candidatura própria já olhou para o retrovisor? A estratégia combina nesse momento onde o adversário da esquerda é o Bolsonaro? A decisão de se isolar terá o governador Camilo, o grande eleitor do partido, que não abre mão de seguir com o grupo que o apoia? São algumas situações a serem avaliadas. O presidente Lula parece ter melhor leitura que os petistas sonhadores ou sem bússola, sem radar político.

Em recente entrevista, o chefão do PT declarou que questões locais não podem ser trabalhadas para dividir a esquerda e partidos de centro. Lula quando passou pelo Ceará sinalizou claramente que pretende ficar longe da sucessão cearense e abonar o atual projeto. Lula sabe que no Ceará ele não vence sem o apoio dos aliados do governador. Ciro venceu Lula no território cearense nas três eleições presidenciais que participou. O petista fica em segundo lugar, mostrando que mesmo derrotado, os adversários não o superam.

A justificativa na qual Lula teria um palanque fiel lançando um petista não empolga. A quem interessa um palanque sem público? No Maranhão o PT abriu essa briga e os partidos de esquerda já escolheram o candidato e Lula ficou sem palanque ou melhor, terá um petista em um palanque sem ninguém para ouvir. Erros do passado criaram intolerância contra o petismo, alguns petistas parecem não querer perceber. Lula percebe.

Chega uma hora em que é bom olhar para o horizonte, avaliar erros e acertos, pensar no futuro sabendo como ultrapassar obstáculos, remover pedras no caminho, olhar os abismos e evitar afundar nos buracos. Feridas muitas vezes abertas na mente dos que olham apenas para si mesmos para conquistar mandatos, podem criar bactérias e virar uma doença e matar o criador do ferimento. Também não se pode deixar de agradecer a quem sempre foi parceiro e companheiro. O PT do Ceará pode ficar isolado, fraco, sem nada. O Lula sozinho não salva mais ninguém!

Roberto Cláudio tem grandes desafios

No seu projeto “Diálogos”, uma boa idéia para abrir portas e entrar no sertão, o ex-prefeito Roberto Cláudio tem colocado muita fé de que tem votos na platéia. Na sua recente visita aos municípios de Senador Pompeu e Paracuru, foi habilidoso, apresentando sugestões de acordo com a região. RC estudou cada local do Ceará e juntou ao projeto político e administrativo em andamento no Ceará. A plateia fica encantada com o grande orador. Os maiores desafios do homem que transformou Fortaleza no maior destino turístico e 1º PIB do Ceará será convencer prefeitos a ter metas.

Melhores prefeitos

Vai sair a lista dos melhores prefeitos do Ceará. Bismarck Maia, Maurício Pinheiro, Sarto, Edinho Nobre, Cirilo Pimenta, Vitor Valin, Átila Câmara, Roberto Pessoa, Laís Nunes, Zé Ailton Brasil, Ivo Gomes, Felipe Pinheiro, Acilon Gonçalves, Carlomano Marques, Marcelo Machado são alguns nomes que brilham como gestores. A safra de prefeitos saída da eleição de 2020 talvez seja a melhor dos últimos tempos, mas é preciso melhorar muito e só o eleitor pode fazer a diferença.

Ciro diz que Lula se junta com os que caçaram a Dilma

O ex-ministro Ciro Gomes fez importante alerta ao ex-presidente Lula que acusa de não ter aprendido nada de bom com tudo que aconteceu no Brasil na era do PT e de Bolsonaro. “Lula não renovou suas ideias. É só ver que ele está se juntando com os mesmos de sempre, inclusive aqueles que derrubaram a Dilma”. Ciro Gomes criticou Lula no Seminário Trabalhista sobre Segurança Pública.

Evandro Leitão segue na estrada

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Evandro Leitão, escolheu o horário noturno para sessões de homenagens a entidades, órgãos públicos e pessoas escolhidas para títulos de cidadania. Durante o dia, a casa promove sessões e o presidente cumpre agendas externas com o governador ou falando em eventos políticos em Fortaleza e no interior. Leitão foi a estrela de um evento no Trairi. O presidente da assembleia tem muitos convites para eventos. Educado e apaixonado pelo que faz tenta atender a todos nessa retomada, sem descuidar da agenda oficial, o comando da assembleia.

Cid e o dia das crianças

Senador luta contra cortes no Orçamento da União (Foto: Roque de Sá/ Agência Senado)

Na sua mensagem do dia de Nissa Senhora Aparecida e das crianças, o senador Cid Gomes fez referência a educação. O senador está brigando para impedir cortes de recursos para a educação e pesquisa. O ministro Paulo Guedes cortou 90% da verba das pesquisas e 39% da educação. “Esse governo Bolsonaro é uma tragédia” disse o senador.

Deixe uma resposta

Compartilhe

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS