Economia

COP26 e a urgência em investimentos em energias renováveis

helaineoliveira@ootimista.com.br

Aberta ontem (1º), a Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas de 2021 (COP26) já mostrou que é crucial que grandes nações industrializadas devam se unir e concordar com compromissos mais ambiciosos para se evitar os efeitos mais desastrosos da mudança climática. A mensagem foi clara e dada pelo primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, durante discurso de abertura.
Entre as alternativas para essas mudanças está o investimento mais do que urgente em energias renováveis, na visão de Jurandir Picanço, consultor de energia da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec) e presidente da Câmara Setorial de Energias Renováveis do Ceará.
“O principal responsável pela emissão de gases de efeito estufa é a produção de energia a partir do carvão, do petróleo, na mobilidade dos veículos. Há uma busca para substituir essa energia”, afirmou, durante entrevista à TV Otimista nesta segunda (1º).
Ele destacou o grande potencial nacional e local em energias renováveis, como a solar e eólica. Para o hidrogênio verde, Picanço afirmou que ainda há muito o que se discutir, como capacitação, regras e projetos que já estão em andamento. “Nós temos o Porto do Pecém, uma Zona de Processamento de Exportação e estamos no centro de uma região de alto potencial de energias renováveis”, diz Picanço

Confira entrevista completa no Canal da TV Otimista no Youtube

Bons frutos
A Nossa Fruta projeta crescimento de 15% em vendas neste último trimestre. Até dezembro, a expectativa é de vender mais de 1.000 toneladas de frutas para os mercados de atuação da empresa: Brasil, Estados Unidos e Alemanha. Já foram investidos R$ 1,5 milhões em um maquinário que deve ampliar em até 25% a capacidade de produção.

Expo CIEE
Na próxima segunda (8) começa a Expo CIEE Virtual. Com 2ª edição online, o evento acontece até o dia 12 e alcançou a marca de 71 mil inscritos e mais de 110 mil acessos em palestras em 2020. Estão previstas duas estruturas físicas: o estúdio CIEE, voltado para a transmissão de palestras, e o centro de controle, com equipe multidisciplinar.

Segundo Orlando Fiorenzano, diretor de Planejamento Integrado e Suprimentos da Solar, a companhia já alcançou a marca de 50% do seu consumo originado de fontes renováveis

Solar garante abastecimento próprio no Nordeste

A Solar Coca-Cola e seus Distribuidores Autorizados iniciaram no mês passado a operação das duas primeiras usinas solares em distribuidores nas cidades de Barra do Corda (MA) e Palmares (PE). Além delas, mais cinco plantas estão em construção na Bahia, Ceará e Maranhão.
No total, mais de 700 painéis de 370W e 450W serão utilizados para gerar energia limpa. No Ceará, serão beneficiadas as cidades de Cascavel, Iguatu e Maracanaú. Ao todo, as usinas terão uma potência instalada de mais de 361 kWp (kilowatt pico), o suficiente para abastecimento próprio.

Pardal voa alto

A Pardal Sorvetes firmou parceria com a rede de restaurantes Paris 6 para compor o Grand Gateau.
A sobremesa já se encontra disponível no restaurante localizado no Shopping RioMar Fortaleza.

Um brinde à vida!

Começa nesta quinta-feira (4), e segue até 21 de novembro, a 15ª edição do Festival Bar em Bar, realizado em todo o Brasil pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel). Com o tema “Saúde, vamos brindar à vida”, a edição deste ano terá a participação de 56 casas cearenses em Aracati, Caucaia, Fortaleza, Tianguá, Barbalha, Crato e Juazeiro. Os estabelecimentos escolheram uma receita para oferecer no cardápio a um preço promocional. O festival funciona também em formato de concurso, em que os clientes vão eleger o melhor petisco da edição. O circuito do Bar em Bar percorre estabelecimentos participantes no sábado (6), com convidados.

 

 

Deixe uma resposta

Compartilhe

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS