Economia

Setor de eventos pede apoio das esferas federal, estadual e municipal para retomada

helaineoliveira@ootimista.com.br

Liege Xavier é presidente da Associação de Promotores de Eventos, regional Ceará (crédito da foto: Edimar Soares)

O setor de eventos está vivenciando novas e já antigas dificuldades nessa retomada gradual de acordo com os protocolos vigentes: a redução das equipes com a migração de quem trabalhava com eventos para outras áreas e aporte financeiro para a retomada. “O setor de eventos tem uma particularidade, que é de se adaptar. Tenho certeza de que iremos superar”, comentou, Liege Xavier, presidente da Associação de Promotores de Eventos, regional Ceará, durante entrevista ao programa Economia & Mercado, transmitido na última sexta-feira (26), pela TV Otimista.

Confira aqui a entrevista.

Liege aponta que o setor amarga carência de verbas para se reerguer. “Acredito que agora é hora de todos os governantes, em todas as esferas (federal, estadual e municipal) fazerem esse setor ficar mais ativo e fazer uma injeção de verbas. Estamos com muitos custos extras. A inflação é uma realidade, temos passagens aéreas de valores altos, insumos com preços elevados e acho que está na hora de se investir nos eventos, que é um setor que dá o start para diversas outras profissões. É uma cadeia de atividades envolvidas. Se você dá start nela, uma cadeia inteira é beneficiada”, desabafa. “Sabemos que não é fácil uma gestão durante a pandemia, de setores inúmeros que precisam de um olhar especial. Mas acredito que agora com uma situação melhor na saúde, é preciso olhar com mais atenção o setor de eventos”.

Combate ao racismo
A Diageo está envolvendo os colaboradores no debate sobre o racismo estrutural. A multinacional soma forças com outras 46 empresas, compondo o Movimento pela Equidade Racial (MOVER). “Juntos, temos a ambição de gerar 10 mil cargos de liderança para pessoas negras até 2030 e 3 milhões de oportunidades por meio da capacitação e conexão com o mercado de trabalho”, explica Daniela de Fiori, diretora de Relações Corporativas da Diageo.

Conhecimento
A Academia Assaí Bons Negócios, programa do Assaí Atacadista de capacitação gratuita para micro e pequenos(as) empreendedores(as), promove, no dia 2 de dezembro, o workshop online “Estratégia de vendas online na gastronomia”. O evento acontece na Feira Preta, o maior evento de cultura e empreendedorismo negro da América.

Neuma Figueiredo é diretora da Casacor Ceará há 23 anos (crédito da foto: Esdras Guimarães)

Prêmio CASACOR Ceará é entregue hoje

Será entregue hoje (30), a partir das 19 horas, o Prêmio CASACOR Ceará, que está na sua 22ª edição. A premiação tem como jurados Lívia Pedreira, presidente do conselho curador; Pedro Ariel Santana, diretor de Relacionamento e Conteúdo; Graziela de Caroli, gerente de franquias; e Luís Carlos Sabadia, gestor do Museu da Indústria. Todos os 28 ambientes do elenco 2021 da mostra, composto por 34 profissionais dos segmentos de arquitetura, design de interiores e paisagismo, participaram da avaliação do júri. O Prêmio está dividido em sete categorias.

Expansão
A cearense Norcalc Estrutural, premiada no Prêmio Talento Engenharia 2021, na categoria Jovens Talentos, apresentou crescimento de 20% ao ano. Para 2022, o diretor da empresa de cálculo estrutural, Marcelo Diego Barbosa, espera incremento de 50% em relação a 2020. A companhia tem Fortaleza e São Luís (MA) como suas principais praças.

Carlos de Júlio, superintendente regional da Ancar Ivanhoe, durante entrevista ao Economia & Mercado (crédito da foto: divulgação)

Universidade do Lojista

A Rede de shoppings Ancar Ivanhoe escolheu o Nordeste para o desenvolvimento do projeto piloto da Universidade do Lojista, plataforma virtual de aprendizagem que pretende capacitar mais de quatro mil lojistas dos 21 shoppings do grupo até 2022. A iniciativa foi divulgada ontem (29) por Carlos de Júlio, superintendente regional da Ancar Ivanhoe durante entrevista ao Economia & Mercado, na TV Otimista (confira aqui).

Ele explica que a companhia realizou uma pesquisa com os lojistas para identificar quais os maiores desafios para o mercado varejista atualmente. Com isso, foram criados os cursos 100% online com os temas: gestão de pessoas, marketing digital e tecnologias da informação, além da comunicação aplicada à gestão de conflitos e às novas experiências de consumo dos clientes.

 

 

Deixe uma resposta

Compartilhe

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS