Economia

Ricardo Cavalcante vai à COP26 apresentar Hub de Hidrogênio Verde

Presidente da FIEC também vai à Dubai, em novembro, para missão empresarial da CNI

Ricardo Cavalcante, presidente da Fiec, foi convidado pelo Ministério do Meio Ambiente (Foto: Tapis Rouge)

Coluna Adriano Nogueira
adriano@ootimista.com.br

O hub de Hidrogênio Verde (H2V) do Ceará, que já acumula 10 entendimentos firmados com conglomerados internacionais, será promovido no exterior em duas ocasiões nas próximas semanas: a Conferência do Clima COP26, em Glasgow, na Escócia, e uma missão empresarial que será realizada em Dubai, em novembro.

O presidente da Federação das Indústrias do Ceará (FIEC) afirmou que foi convidado nesta semana pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA), “para fazer uma apresentação em Glasgow sobre o Hidrogênio Verde e tudo o que está acontecendo no Ceará nesta área”.

Cavalcante também foi convidado para uma missão organizada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). No dia 10 de novembro será feita uma apresentação do hub de H2V e de outras oportunidades de investimento no Ceará.

“O H2V vai mudar as condições socioeconômicas e financeiras do Ceará. A prioridade da FIEC agora é trabalhar muito, gerar muito emprego, fazer com que as indústrias voltem a contratar. Temos quase 500 mil pessoas desempregadas no Ceará e o desafio é esse. Eu sinto que a retomada da economia está acelerada e a gente precisa estimular, temos feito isso em todas as casas. Senai, Sesi, IEL, CIC, a ordem é uma só: pé no acelerador para tirar esse atraso. Este ano já geramos 67 mil novos empregos no Ceará, espero que até o final do ano a gente consiga chegar a 85 mil e no ano que vem”, analisa.

C. Rolim introduz solução desenvolvida pelo Sesi
Um dispositivo retrátil de polietileno para proteção contra quedas em obra foi criada pelo Centro de Inovação (CIS) do SESI Ceará, por demanda da C. Rolim Engenharia e já empregado na obra Estrelário, no Meireles. O equipamento confere maior segurança e dispensa a utilização do cinto paraquedista e do Sistema Limitador de Queda em Altura (SLQA). “O SESI, junto com Safetynet e outros projetos de inovações que nós temos, nos possibilita melhoria tanto na tipologia construtiva como também na parte de Saúde e Segurança do Trabalho”, enaltece Alexandre Mourão, diretor de inovação, sustentabilidade e tecnologias da C. Rolim.

Complexo solar
Foi aprovado pela Sudene o financiamento de novo complexo solar no Ceará. Serão investidos R$ 423 milhões no empreendimento, que pode gerar até 2,8 mil empregos na região. A verba será aplicada via Fundo de Desenvolvimento do Nordeste (FDNE). Os projetos Lightsource Milagres I, II, III, IV e V terão 163,7 MW de potência instalada e ficarão no município de Abaiara.

R$ 782,6 mi
As quatro primeiras etapas terão investimento de 145,2 milhões cada. O Lightsource Milagres V receberá R$ 201,7 milhões em investimentos, com R$ 111,7 milhões oriundos do fundo administrado pela Sudene. O investimento total será de R$ 782,6 milhões de investimentos, com a participação de R$ 422,9 milhões do FDNE. O primeiro repasse tem previsão de ser feito ainda em 2021.

Eduardo Neves, presidente da ZPE Ceará (Foto: Divulgação)

ZPE ganha reconhecimento internacional por digitalização de serviços
O fDi’s Global Free Zones of the Year, vinculado ao Financial Times, reconheceu o processo de digitalização dos serviços na Zona de Processamento de Exportação do Ceará (ZPE Ceará). A menção honrosa refere-se às aplicações com QR Code implementadas. O prêmio elege as zonas francas de maior destaque para investidores estrangeiros a nível mundial. Na edição deste ano, foram avaliadas mais de 70 zonas francas ao redor do mundo. “A zona mudou de uma forma de trabalhar totalmente presencial e baseada em papel para um modelo 100% sem papel e computadorizado. Isso incluiu o uso de QR Codes em telefones para a entrada na área”, pontuou Alex Irwin-Hunt, um dos jurados da premiação.

Kaline Ferraz, dermatologista (Foto: Divulgação)

Kaline Ferraz traz StarWalker para Fortaleza
O equipamento Fotona StarWalker, que propicia tratamentos como rejuvenescimento facial, melasma e outras manchas na pele, remoção de tatuagens, retirada de lesões vasculares e tratamento de cicatrizes de cicatriz da acne e poros, já está disponível em Fortaleza. A técnica foi trazida pela dermatologista Kaline Ferraz. “É hoje o aparelho mais aclamado dentro da estética em todo o mundo. Com essa nova tecnologia que apresentamos, os resultados podem ser entregues em até 3 sessões, dependendo do caso tratado”, explica.

Deixe uma resposta

Compartilhe

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS