Economia

Mesa Brasil Sesc comemora 20 anos de atuação no Ceará

Júnior Panela / divulgação

O Mesa Brasil Sesc, programa de segurança alimentar e nutricional do Sesc, completa este ano 20 anos. A ação tem como objetivo dar suporte às pessoas em estado de vulnerabilidade social, que ainda são as mais afetadas pela pandemia do novo Coronavírus.
Em março de 2020, por exemplo, foi realizada uma campanha para incentivar restaurantes e lanchonetes que ficaram fechados durante o isolamento a doarem os alimentos. A soma dos esforços resultou em 320 entidades sociais atendidas pelo Mesa Brasil, que arrecadou mais de 3 milhões de quilos de alimentos.
Entre os parceiros da ação está o grupo M. Dias Branco, que doou 12.756 kg de alimentos. O Grupo Nestlé também deu as mãos, com a dação de 4.623 litros de iogurtes; o Instituto Solar Coca Cola doou 1479,6 litros de sucos; os permissionários da Ceasa doaram mais de 14 mil kg de frutas; a Fazenda Agrícola Famosa cedeu 120.000 kg de fruta e a Companhia Nacional de Abastecimento esteve presente com 8.880 kg de polpa de frutas doadas pela agricultura familiar. Desde a sua implementação, o Mesa Brasil distribuiu mais de 52 milhões de quilos de alimentos e, atualmente, atende 95 municípios no estado do Ceará. “A união, de fato, é capaz de transformar realidades, além de levar conforto e bem-estar para a população que mais precisa”, afirma Maurício Filizola, presidente do Sistema Fecomércio-CE.

Bob´s avança no Ceará

O Bob’s está avançando no Nordeste, onde já conta com 205 lojas e quiosques geridos por 50 franqueados. Para este ano, a marca prevê a abertura de mais 30 unidades, sendo 12 delas localizadas em Fortaleza. Além disso, a marca planeja a abertura de 10 drive thrus na região nos próximos dois anos. Uma das novas lojas será no Terminal de integração de Messejana. “A unidade seguirá o modelo da loja conceito”, revela Marcelo Tristão, diretor de Desenvolvimento do Bob’s.

Vinho chileno em alta
Dados da ProChile Brasil constatam que o Brasil tornou-se o principal destino de vinhos chilenos do mundo. O País importou o equivalente a US$ 148 milhões em vinhos. No total, o mercado brasileiro somou no ano de 2020 cerca de US$ 178 milhões em importação. A D´Origem, por exemplo, obteve um crescimento de, em média, 41% com a venda de rótulos chilenos. Só em 2020, a empresa vendeu cerca de 345 mil vinhos chilenos, segundo o diretor, Rodrigo Rocha.

Eu voltei
Lançado em janeiro de 2020 como uma edição limitada, o picolé de São Geraldo da Pardal Sorvetes voltou a ser vendido desde o último dia 17. A expectativa é de que a partir de amanhã (24) o sabor chegue ao Cariri. No ano passado a parceria foi um sucesso, com a venda de mais de 360 mil unidades em seis meses de distribuição.

Ovos solidários
A Avine, produtora de ovos cearense, vai doar kit de ovos igual para a cada nova assinatura em seu sistema de delivery próprio, o “Avine em casa”, que foi lançado em abril do ano passado, como uma alternativa de acesso aos produtos da marca, em meio à pandemia. A Associação Nossa Casa será a beneficiada com a iniciativa. A ação segue até o dia 19 de março.

Emirates fecha parceria com UNICEF

A Emirates SkyCargo assinou um acordo com a UNICEF para priorizar o transporte de vacinas da Covid-19, medicamentos essenciais, equipamentos médicos e outros suprimentos essenciais para ajudar a combater a pandemia. O anúncio faz parte de uma série de medidas tomadas pela divisão de transporte aéreo de carga da Emirates para ajudar a recuperação das comunidades globais. A Iniciativa da UNICEF para o Transporte Aéreo de Carga Humanitária reúne parceiros com capacidade de distribuir coletivamente suprimentos essenciais para mais de 100 mercados com a ajuda da COVAX Facility, um esforço global que promove o acesso equitativo às vacinas da Covid-19.

 

Deixe uma resposta

Compartilhe

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS