Economia

Marquise fatura mais de R$ 1,2 bilhão e garante novos investimentos

Pelo segundo ano consecutivo, grupo passa de R$ 1,2 bi somando as operações de construção, comunicação, hotelaria, shoppings, energia e serviços ambientais

Erivaldo Arraes e José Carlos Pontes, controladores do grupo Marquise (Foto: Tapis Rouge)

Coluna Adriano Nogueira
adriano@ootimista.com.br

O grupo Marquise anunciou receita bruta global de R$ 1,231 bilhão em 2020. Investimentos nas áreas ambiental e imobiliária, realizados ao longo do primeiro ano da pandemia de Covid-19 no Brasil garantiram o resultado alcançado, segundo a empresa. Este resultado considera todas as operações do grupo (incorporação, infraestrutura, serviços ambientais, usina de biometano, centros comerciais, hotelaria e comunicação). 

O lucro operacional da empresa, obtido antes de descontar despesas financeiras, o chamado Ebitda, foi de R$ 262,6 milhões. Parte significativa da receita foi gasta em renovação de frota, máquinas e equipamentos. Outra fatia foi para a aquisição de uma empresa São Sebastião do Passé, na Bahia. A empresa trabalha com tratamento de resíduos sólidos.

Ainda houve tempo para investimentos imobiliários em São Paulo, onde a companhia vai estrear com dois empreendimentos residenciais e um comercial. O primeiro, de altíssimo padrão, será no bairro Vila Nova Conceição, com vista permanente para o Ibirapuera, e terá Valor Geral de Vendas (VGV) de R$ 220 milhões. Este lançamento foi adiantado com exclusividade pelo O Otimista. 

Os números de 2020 repetem o bom resultado do ano anterior, quando o Grupo Marquise bateu recorde de resultados (alta de 16%) e ultrapassou a marca de R$ 1,2 bilhão.

Arco Educação está contratando   
A Arco Educação abriu inscrições de seu programa de trainee para formar a próxima geração de líderes, que promove uma trilha de desenvolvimento para acelerar a carreira dos trainees. Para se candidatar, é necessário a conclusão da graduação entre dezembro de 2017 e agosto de 2021, e disponibilidade para morar em Fortaleza, São Paulo ou Curitiba. As inscrições vão até o dia 7 de junho pelo site Eureca. A Arco também tem mais 100 vagas abertas na área de tecnologia, como product owner, tech leader, desenvolvedor, engenheiro de software, data analytics e BI.

Preparação
Durante reunião de apresentação dos resultados de 2020, comandada pela presidente Ivana Bezerra Rangel, os associados do Visite Ceará ressaltaram que o Estado foi um dos poucos que discutiram uma nova forma de realizar eventos com a pandemia de covid-19. Foram eles: o virtual “Conexões do Turismo: uma nova era”, e o evento de capacitação “Recriando eventos em novos momentos”.

Aftosa
Produtores rurais do Ceará precisam ficar atentos à nova campanha de vacinação contra a febre aftosa de bovinos e bubalinos, que começa no próximo sábado (1º de maio). O Estado está sem registro da doença desde 1997 e integra o grupo de estados livres de febre aftosa com vacinação. O registro da vacinação deve ser feito na Adagri, seja virtualmente ou presencialmente.

Ciro Gomes e Giselle Bezerra (Foto: Tapis Rouge)

Ciro por Giselle
Estreia hoje no YouTube, a partir das 9h, uma série de entrevistas com o presidenciável do PDT, Ciro Gomes. A história do ex ministro e ex governador do Ceará será contada sob uma ótica bem particular: a da sua esposa, a produtora cultural Giselle Bezerra. Em conversas intimistas e de curta duração, Giselle revisita a trajetória de Ciro desde a sua infância, entre Sobral e Pindamonhangaba (SP), os diferentes cargos ocupados na política local e nacional e, claro, o seu projeto de desenvolvimento para o Brasil, com o qual Ciro deve disputar as Eleições 2022. Inicialmente, a série terá quatro entrevistas, sendo uma por semana, sempre às sextas-feiras.

 

João Roma e Ricardo Cavalcante (Foto: Divulgação)


Ricardo Cavalcante e João Roma entregam 97 mil cestas básicas
O ministro da Cidadania, João Roma, e o presidente da FIEC, Ricardo Cavalcante, entregaram 97 mil cestas básicas em Maracanaú, nesta quinta-feira (29), destinadas a pessoas em situação de vulnerabilidade social. A ação é promovida pela iniciativa Brasil Fraterno, que busca garantir segurança alimentar para famílias carentes. A FIEC e o Sesi-Ceará arrecadaram 230 toneladas de alimentos. A Confederação Nacional da Indústria (CNI) e o Sesi Nacional também contribuíram.

Deixe uma resposta

Compartilhe

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS