Economia

Marquise Ambiental vai investir R$ 40 milhões na ampliação de duas unidades

A planta da CTR Bahia será ampliada e o aterro de Osasco receberá uma planta para produzir energia a partir do gás captado

Coluna Adriano Nogueira
adriano@ootimista.com.br

Após a aquisição da empresa de gestão de resíduos industriais CTR Bahia na última semana, a Marquise Ambiental anunciou que vai investir R$ 40 milhões em duas unidades do grupo. Metade do valor será aplicado na ampliação da CTR, fundada em 2008 pelo comprada do Grupo Odebrech. Localizada na Região Metropolitana de Salvador, a empresa presta serviços na área de tratamento e destinação de resíduos industriais, Blendagem e Coprocessamento. O Valor da negociação não foi divulgado.

“Estão previstos investimentos na ordem de R$ 20 milhões na expansão da área de processamento desta unidade. O Grupo Marquise tem procurado todas as oportunidades na área de gestão de resíduos. A de gestão de resíduos industriais é um campo que a Marquise está iniciando com esse projeto (a CTR), temos agora uma porta aberta para esse mercado privado das indústrias químicas e petroquímicas para trabalhar na gestão de resíduos industriais, uma área que o Brasil é muito carente”, analisa o presidente da Marquise Ambiental, Hugo Nery. O executivo acrescenta que trata-se “do início de uma operação dentro do planejamento estratégico de crescer no país inteiro na área de tratamento de resíduos”.

Energia a partir de aterro
Os outros R$ 20 milhões serão aplicados para produzir energia a partir do gás produzido pelo aterro sanitário que a companhia inaugurou recentemente em Osasco (SP). Hugo Nery ressalta que a Marquise Ambietal é hoje “a maior produtora de gás de aterro sanitário, estamos investindo fazendo com que o resíduo que antes era simplesmente enterrado, seja transformado, trazendo valor agregado”. A empresa tem ainda uma planta de produção de gás no Aterro Sanitário de Caucaia.

CasaCor Ceará em livro
Os 21 anos da CasaCor Ceará serão celebrados com um livro contado a história da mostra. “Nesse momento único que todos vivemos, me sinto honrada em poder compartilhar essa conquista. É muito emocionante para nós poder apresentar, pela primeira vez, um registro histórico e exclusivo das pessoas e suas histórias nessa trajetória de realizações das 21 edições de CASACOR Ceará”, afirma a diretora da mostra, Neuma Figueiredo. A publicação traz a história do evento contada pelos profissionais e artistas que fizeram parte dela. O livro está à venda no Janelas CasaCor, que substitui a versão tradicional por conta da pandemia de covid-19. A visitação é gratuita e segue até o próximo dia 25.

Empreendedorismo
Começa hoje e vai até o próximo dia 22 a Semana Global do Empreendedorismo. Organizado pelo Sebrae, o evento está na 13ª edição e tem como tema “Retomada da Economia e o Papel do Empreendedorismo”. O objetivo é fortalecer e disseminar a cultura empreendedora, conectando, capacitando empreendedores.

Programação
O Sebrae preparou uma série de atividades online e gratuitas para a semana. As principais palestras serão no dia 17, com o empresário Rapha Avelar; no dia 24, com o psicólogo Rossandro Klinjey, e o encerramento, com a atriz e escritora Denise Fraga, no dia 26. As inscrições estão abertas no site www.empreendedorismo.org.br.

Lide debate revolução dos meios de pagamento
O tema do próximo almoço-debate do LIDE Ceará, que ocorre sexta-feira, 20, às 12h30, será “A Revolução dos Meios de Pagamento e o Impacto na Economia Brasileira”. Os convidados são o chefe do Departamento de Competição e de Estrutura do Mercado Financeiro do Banco Central, Angelo Mont’Alverne; o fundador da Gouvêa Ecosystem, Marcos Gouvêa de Souza, e Sérgio Zimerman, CEO da Petz. O evento é restrito para filiados e convidados.

Deixe uma resposta

Compartilhe

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS