Economia

Indústria cearense apresenta indicadores de retomada a níveis pré-pandemia

Redação O Otimista
redacao@ootimista.com.br

A indústria cearense está mantendo sua trajetória de recuperação. Em julho, o indicador de produção apontou 64,9 pontos. Esse aumento mostra um aquecimento da atividade industrial, que registra a maior pontuação no índice desde o início da série histórica em 2010. Além disso, os demais indicadores voltaram aos níveis pré-pandemia. Os dados são do Observatório da Indústria da FIEC, divulgado hoje (25) pela Sondagem Industrial de julho.

De acordo com o estudo, a Utilização da Capacidade Instalada continua abaixo da usual, mas já se encontra no mesmo patamar de fevereiro, que é o período de referência pré-pandemia, usado para mensurar o impacto do coronavírus obre a economia. Em relação ao mês passado, houve um crescimento, que, segundo o levantamento, pode ser explicado por toda cadeia industrial ter recebido permissão para voltar a funcionar.

Ainda conforme o levantamento, o índice de Evolução do Número de Empregados para o Ceará foi de 48,9 pontos, com redução no emprego ainda em julho. Mesmo abaixo dos 50 pontos, o estudo apontou que esta foi a menor queda mensal do indicador desde março. Já a nível nacional, o emprego aumentou, ficando acima de 50 pontos.

Seja o primeiro a saber. Siga nossas redes sociais:
Instagramhttps://instagram.com/ootimista?igshid=18bwnrfep8gg6
Facebookhttps://m.facebook.com/Ootimista/
WhatsApp: 085 9 8155.2022

Deixe uma resposta

Compartilhe

VEJA OUTRAS NOTÍCIAS